Cantinho da Tattoo: Onde dói mais fazer tatuagem?

Oii pessoal tudo bom ? Então, hoje eu vim trazer esse post sobre tattoo porque muitas pessoas se perguntam quando vão fazer a tatuagem se vai doer. Bom gente, é claro que vai doer, por que é usada agulhas que vão “tecendo” ou “preenchendo” uma certa parte do seu corpo, a intensidade da dor no entanto, depende de cada pessoa, na minha opinião claro, mas decidi colocar ai em baixo os locais onde dói mais, onde dói menos etc …  A Tay  já tinha levantado essa tag e levado o assunto para o meu antigo blog onde ela era cdc (colaboradora) e decidi reblogar além de adapitar um pouquinho o texto,  Eu ainda não tenho tatuagens como já comentei em algum post aqui no blog, mas pesquisei em sites, falei com amigos que tem tattoos, para poder trazer uma boa matéria para vcs espero que gostem!

Vamos começar pelos lugares que possuem pouca dor, nessa categorias estão: os braços, barriga, coxas, panturrilhas, nádegas, lombar -ou as costas-, nuca e ombros, tendem a ter uma leve dor, por que essas partes tem contato constante com o meio ambiente e por isso, são menos sensíveis a dor.



 Os antebraços, interior das coxas, tornozelos, pés e mãos, tem uma dor mais moderada porque são partes que tem pouca gordura, muitos nervos e estão menos expostas ao ambiante.
 Já o rosto, pescoço, peitoral, costelas, órgãos genitais, canelas, axilas e a espinha dorsal. Tendem a ter mais dor por que são partes do corpo que não tem contato com o ambiente, concentram muitos nervos e ainda ficam próximos aos órgãos vitais (rins, coração, pulmão e face).

Então pessoal, espero que vcs tenham gostado, se vc teve alguma experiência com tattoos, ou queiram me corrigir em algo deixe ai nos comentários viu? Bjuss da Jubs!!!
Ps. Duvidas, elogios ou criticas, são bem vindas!
Curta a FanPage
Visite o Instagram
Anúncios

Another

Oi pessoal, tudo bom? Como eu disse no post BVB no Monsters, eu iria criar outra categoria que ficaria em “Algo Mais” no menu (anime) e eu criei urrrruu eba! O Primeiro anime que vou postar aqui é Another!! Aí vcs me perguntam: ” Jubs, porque Another?” Simples! Esse foi um dos animes que eu mais gostei de assistir, além do mais eu queria postar um Anime curto, porém foda, para as pessoas que nunca tiveram contato com essa cultura, tenham oportunidade de ver que anime não é apenas um desenho para criancinhas assistirem, ou “perda de tempo” como muitos costumam falar, queria mostrar que muitos anime nos ensinam lições de amizade, companheirismo, lealdade e muitas outras coisas, animes como Fairy Tail, Bleach, Naruto… Enfim, eu não sei se vcs pensariam da mesma forma, mas as vezes quando estou completamente sem rumo, explodindo, querendo fugir de tudo, eu simplesmente coloco um episódio do meu anime favorito e me sinto muito melhor no final…

Sobre o Another, eu assisti pela primeira vez em junho ou julho do ano passado (ou até antes eu realmente não me lembro kkk), o anime tem 12 episódios contendo apenas uma OVA** que eu ainda não assisti  (ok eu me envergonho disso kkkkk) Ele é de terror, e vou deixar a sinopse aqui em baixo:

“Há 26 anos, um incidente mudaria um colégio. A morte de uma estudante exemplar, comunicativa, bonita e simpática, muda o ciclo do colégio. Desde então a Sala 3 do 9° ano do ensino fundamental do Colégio Yomiyama da Zona Norte não é mais a mesma. Na primavera de 1998, um estudante de 15 anos, Sakakibara Kouichi, se muda de Tóquio para Yomiyama, a cidade natal de sua mãe, pelo fato de seu pai estar a trabalho na Índia. Pouco antes do início das aulas ele é internado com pneumotórax. É no hospital, após a visita de alguns dos seus futuros colegas de classe, que ele começa a sentir a atmosfera diferente que envolve a cidade e em especial o seu novo colégio. No hospital ele também conhece uma garota com um tapa olho. Kouichi percebe que somente a sua sala é diferente, e que algo estranho acontece ao seu redor, mesmo sem saber o por que. Aos poucos ele vai descobrindo o que houve na sala 3 do 9° ano, o incidente de 26 anos atrás, período que sua mãe estudava no colégio, na mesma sala. E aos poucos vai se deparando com terríveis acontecimentos.”

Assista o primeiro episódio legendado clicando aqui

 Bom meus amores, espero do fundo do meu coração que vcs tenham gostado, e se vc assistir e curtir, comenta aqui sua opinião, vou amar responder vcs fofuxins, Bjuss da Jubs

Curta a FanPage no Face

Tem insta? Me Siga

Moda Vintage: Saia Godê

Oie pessoal!! tudo bom? Hoje eu preparei um post sobre um estilo que eu amo, o vintage (anos 50/60) espero que vcs gostem!!!  A saia Godê, ficou famosa nos anos 50 por causa do New Look da Dior, Bastante volumosa e com um caimento de ondinha, ficou bastante popular nos corpos das garotas quando começou a surgir o Rock ‘n’ Roll….

As saias mais longas, são as que mais lembram o vintage dos anos 50, dá um efeito mais elegante, sem perder aquele “ar de menina”

Já as curtinhas (que são as minhas preferidas hehehe) na minha opinião são as mais bonitas, existem vários modelos, estampada, lisa, tecido leve,  com textura…. ixiiii vários modelos que com certeza vcs vão amar, pelo menos eu amei :3

Elas combinam com vários looks, desde os mais elegantes, aos mais modernos, despojados e por que não, com uma pegada mais rock? hehe, nas imagens tem alguns modelos para se inspirar…

Além dessas, tem umas de modelo cirré que ficam super legais com top cropped

E por fim esse modelo, que eu particularmente A-M-E-I, ficou parecendo um vestidinho, muito cute ❤

Espero q vcs tenham gostado do post!!! Bjus da Jubs !!!! :*

Emos e Scenes: São todos iguais?

Oie gente tudo bom? Como vocês sabem, eu adoro fuçar os sites, pages do face e twitter, e hoje eu estava lendo alguns comentários e vi um de um rapaz que me intrigou, o comentário era a seguinte: “Eu sempre vejo esse povo que diz q é emo, rockeiro, gótico, etc. Mas cara, é tudo igual esse pessoal aí…” Eu fiquei meio revoltada com ele kkk, mas enfim, queria fazer esse post p pessoas q tem as mesmas dúvidas, ou dúvidas parecidas, ou só para informar mesmo não sei, fica a critério de vocês o que fazer com as informações desse post okay?Por que apesar de serem parecidos no visual, são muito diferentes no modo de agir e pensar.

Emos e Scenes:

Bom, o nome “Emo”, é abreviatura de Emotional Hardcore, que foi um termo dada as bandas Punks q tinham um ritimo mais emotivo do que o original. Os Emos não são só de origem Punk, mas tmb dos Hippies dos anos 60 que também praticavam a livre expressão dos sentimentos. Os Emos são mais emocionais, e muitos deles são contra violência com os animais, além de ter um carinho enorme por todas essas criaturinhas, ao contrário do que todo mundo pensa, os Emos não se cortam por serem ‘idiotas, retardados’, ou qualquer outra forma preconceituosa, muitos deles, sofrem por problemas psicológicos, por um episódio trágico na sua infância/vida, ou uma coisa q eles vinham guardando para si a muito tempo: “Essa é a maneira que nos faz sentir melhor, uma saída para não pularmos da ponte, não puxar o gatilho, por que sabemos que podemos parar, tentar viver de novo…” -Devy, 17

Já os Scenes, surgiram em 2005, eles se baseiam nos Scenes Kids (Surgiram no Reino Unido nos anos 80). O nome, (traduzindo) ‘a cena’, significa uma prioridade a mais para o seu visual, eles gostam de roupas um pouco mais colorida, maquiagem bem demarcada e etc.Eles, ao contrário dos Emos, são mais extrovertidos e tem um lado mais infantil de ver o mundo,(nos dois sentidos) eles tem o seu lado sentimental e são muito carinhosos também, eles costumam ouvir Electro, Hardcore, Emocore, Rock, Pop/Rock…(E alguns q assistem animes costumas gostar tmb de J-Rock e J-Pop)

feeh 2

A primeira na imagem é minha amiga heuheuehe! Então, antes de sair por aí dizendo q todos são iguais mocinho (a) tenta conhecer um pouquinho da cultura de cada um viu! E isso não é um sermão, pelo contrário é uma simples dica <3, Eu sou simplesmente apaixonada por scenes e emos,eu meio q entendo como eles são, e os motivos pelos qual eles são como são, eu AMO muito todos eles, todos vcs na verdade!!
Bjuss da Jubs!! :*

Tour pelo mundo do skate!!

 Oii pessoal!!!, hoje vim trazer p vcs um pequeno tour pelo mundo do skate, vou tentar tirar o máximo de dúvidas para vcs, quem quer montar o seu próprio skate, ou apenas se informar sobre o assunto, primeiro vou começar falando sobre as peças que compõem o skate; o shape, os trucks, as rodinhas, os rolamentos, os parafusos e a lixa. Acho que vocês não estão entendendo nada, mas é normal eu também fiquei meio bugada quando li sobre isso hehehehe. Vou explicar para que serve cada uma dessas coisas, e o que é, e o preço estimado:
Shape (prancha superior): É a prancha de madeira que serve como base para as manobras. É composto por madeira leve e resistente (mapple por exemplo) disposto em folhas, existem hoje vários tipos de skate, com pouca ou muita inclinação, ou com pouca ou muita largura, podemos escolher o que mais se adapta a cada tipo de manobra (ou só para dar uns rolês) ou estilo! como vocês podem ver na imagem abaixo, existem vários tipos de shape:
 Além disso o shape, existem duas partes, o Nose e o Tail, que são nada mais nada menos que a parte da frente do shape, depois do truck da frente (Nose), e a parte de trás do shape (Tail). O preço de um shape vária muito de acordo com a marca, como por exemplo internacionais, flip, everlast, red nose, element pode chegar a custar até 200 reais. Já as nacionais como, drop dead, chega a custar 100 reais.
 Trucks e base: Os truks são os eixos do skate, a parte de metal, como mostra a imagem, a base é a parte dos truks que ficam aparafusadas ao shape. Na base está fixado o eixo que tem movimento e segura as rodinhas. Dependendo da marca, o par de truck pode variar entre 50 a 120 reais.

 Rodas: São feitas, geralmente, de poliuretano ou uretano (um plástico mais flexível), possuem duas cavidades, uma de cada lado, onde ficam os rolamentos. Variam muito de quanto ao tamanho, de acordo com o modelo do shape. Dependendo da marca, pode variar a custar de 45 a 150 reais.

 Rolamento: São as partes que permitem o movimento das rodinhas, são feitas por ligas de aço e possuem diversas marcas. Existe uma espécie de classificação ABEC, que classifica o rolamento quanto a sua precisão nas dimensões, tipo um certificado de engenharia, mas essa certificação ABEC sozinha não classifica os rolamentos quanto a velocidade e a durabilidade. Essas características dependem da qualidade dos componentes, como esferas, gaiolas, lubrificação etc. Custa a partir de 20 reais

 Parafusos: São 4 em cada truck, responsáveis por fixar os truks ao shape, num total de 8. O preço varia de 5 a 20 reais (o kit)
 
Lixa adesiva: fica na parte superior do shape, facilitando o equilíbrio, e possibilitando a execução de manobras etc. O preço varia entre 8 e 10 reais.

Então gente, foi isso espero que tenham gostado e aguardem as próximas postagens sobre o mundo do skate, como vocês viram, montar o próprio skate, é caro, então é bom guardar um dinheiro antes de resolver montar, mas vale mais a pena do que comprar na loja, qualquer dúvida, escreva aí nos comentários blz?

 Bjuss da jubs 🙂